quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Você bebe bastante refrigerante?

Guarde ou peça para alguém que você saiba que consome bastante refrigerante para guardar as garrafas PET e use suas habilidades manuais para fazer sua própria piscina de garrafas PET.


Acha impossível?


Difícil?


Uma aposentada de Minas Gerais construiu sua própria piscina.

Click nas PETs abaixo para assistir o vídeo.


Bacana não?


terça-feira, 7 de dezembro de 2010

É duro ser biólogo...


Viu como é difícil?

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Invertebrados

Resumo: Artrópodes

Diagnose: animal de pernas articuladas e exoesqueleto quitinoso, corpo metamerizado, triblástico e com simetria bilateral.
Principais classes:
Crustacea (crustáceos)
Características: animais dotados de cefalotórax e abdome, dois pares de antenas e cinco pares de pernas locomotoras no cefalotórax, geralmente com apêndices abdominais.
Hábitat: animais de vida livre; na maioria aquáticos, de água doce ou salgada; poucas formas terrestress, que precisam de muita umidade.
Exemplos: Camarão (Penaeus), lagosta (Homarus), siri-azul (Callinectes).
Arachnida (aracnídeos)
Características: animais dotados de cefalotórax e abdome, sem antenas e quatro pares de pernas locomotoras no cefalotórax, sem apêndices abdominais.
Hábitat: a maioria é terrestre, com poucos representantes aquáticos.
Exemplos: Camarão (Penaeus), lagosta (Homarus), siri-azul (Callinectes).

Dados de anatomia e fisiologia
Sistema digestório: completo (possuem boca e ânus); apresentam digestão extra e intracelular.
Sistema circulatório: ausente (alimento distribuído pelo fluido da cavidade pseudocelômica).
Sistema respiratório: ausente (trocas gasosas diretamente entre as células e o ambiente).
Sistema excretor: presente (um par de canais excretores); poros abrindo-se próximo à boca.
Sistema nervoso: presente (um anel nervoso em torno da faringe com dois cordões nervosos longitudinais).
Reprodução: sexuada; monóicos ou dióicos; os ciclos dos parasitas são bastante complexos, com diversos estágios intermediários.


Resumo: Equinodermos
 
Diagnose de um equinodermo: animais de simetria radial quando adultos e (larvas simetria bilateral), com esqueleto interno e sem metameria.
Hábitat: animais de vida livre, exclusivamente marinhos.
Exemplos: ouriço-do-mar (Arbacia), estrela-do-mar (Asterias), corrupio ou bolacha-da-praia (Echinarachnius) etc.
Dados de anatomia e fisiologia
Sistema digestório: completo (digestão extracelular).
Sistema circulatório: ausente ou muito reduzido (distribuição de substâncias pelo fluido celômico).
Sistema respiratório: reduzido (branquial) ou ausente (trocas gasosas que ocorrem são facilitadas pelo sistema hidrovascular).
Sistema excretor: ausente (excreções diretamente na água que circula no sistema hidrovascular.
Sistema nervoso: presente (composto por um anel nervoso em torno da boca, de onde partem nervos radiais).
Sistema hidrovascular: exclusivo dos equinodermos, desempenha funções de locomoção, fixação e captura de alimento, além de contribuir decisivamente na respiração e na excreção.
Reprodução: sexuada; espécies dióicas, fecundação externa e desenvolvimento indireto, com um ou mais tipos de larvas.


Abraços


terça-feira, 23 de novembro de 2010

Ótimo jogo sobre transfusão sanguínea.



Aproveitem! É só clicar na imagem e jogar.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Mostra Científica





Oi pessoal!


Não esqueçam que teremos a Mostra Científica com a exposição dos experimentos da 2ª série do Ensino Médio nesta sexta-feira, dia 19/11!

Resumo: Moluscos

Resumo: Moluscos

Diagnose de um molusco: animal de corpo mole, com ou sem concha, triblástico e com simetria bilateral.
Hábitat: animais de vida livre, terrestres ou aquáticos, de água doce ou salgada; raras espécies parasitas.
Exemplos: mexilhão (Mytilus), lula (Loligo), polvo (Octopus), caracol de jardim (Helix).
Dados de anatomia e fisiologia
Sistema digestório: completo (intestino com regiões diferenciadas e glândula digestiva associada); digestão predominantemente extracelular, embora também ocorra intracelularmente.
Sistema circulatório: presente, do tipo aberto ou lacunar (com coração e vasos sanguíneos, nos quais circula o fluido celômico – sangue).
Sistema respiratório: presente (trocas gasosas ocorrem em órgãos especializados, as brânquias e pulmões); esse sistema está acoplado ao circulatório, pois os gases são transportados pelo sangue.
Sistema excretor: presente (rede de nefrídios, estruturas especializadas na remoção de resíduos nitrogenados do metabolismo).
Sistema nervoso: presente (composto por três ou quatro pares de gânglios nervosos, ligados a nervos que atingem todo o corpo).
Reprodução: sexuada, existindo espécies monóicas (caracol) e dióicas (mexilhão); em alguns casos o desenvolvimento é direto, e em outros existem estágios larvais.

Resumo: Platelmintos, Nematelmintos e Anelídeos

Resumo: Platelmintos

Diagnose de um platelminto: animal de corpo achatado, triblástico e com simetria bilateral.
Hábitat: terrestres ou aquáticos, de água doce ou salgada; existem espécies parasitas.
Exemplos: a planária de água doce Dugesia tigrina é um TURBELÁRIO; Schistosoma mansoni, o causador da esquistossomose, é um TREMATÓDIO, e a Taenia solium, um parasita da espécie humana, é um CESTÓDEO.
Dados de anatomia e fisiologia
Sistema digestório: incompleto (intestino muito ramificado); digestão extra e intracelular.
Sistema circulatório: ausente (alimento distribuído pelo intestino ramificado a todas as células do corpo).
Sistema respiratório: ausente (trocas gasosas diretamente entre as células e o ambiente).
Sistema excretor: presente (rede de protonefrídios com células-flamas); poros excretores na superfície dorsal do corpo.
Sistema nervoso: presente (um par de gânglios cerebrais, ligados a dois cordões nervosos longitudinais).
Sistema sensorial: presente (órgãos especializados na captação de estímulos luminosos, mecânicos e químicos).
Reprodução: em algumas planárias pode haver reprodução assexuada por fragmentação; as planárias são monóicas, com desenvolvimento direto, sem estágio larval; outras espécies são dióicas; muitos representantes desse filo são parasitas com diversos estágios larvais.


Resumo: Nematelmintos
 
Diagnose de um nematelminto: animal de corpo fino e tubular, triblástico e com simetria bilateral.
Hábitat: animais de vida livre, terrestres ou aquáticos, de água doce ou salgada; existem muitas espécies parasitas de outros animais e plantas.
Exemplos: Ascaris lumbricoides (lombriga), um parasita do intestino humano; Ancylostoma duodenale e Necator americanus, vermes intestinais que causam o amarelão.
Dados de anatomia e fisiologia
Sistema digestório: completo (possuem boca e ânus); apresentam disgestão extra e intracelular.
Sistema circulatório: ausente (alimento distribuído pelo fluido da cavidade pseudocelômica).
Sistema respiratório: ausente (trocas gasosas diretamente entre as células e o ambiente).
Sistema excretor: presente (um par de canais excretores); poros abrindo-se próximo à boca.
Sistema nervoso: presente (um anel nervoso em torno da faringe com dois cordões nervosos longitudinais).
Reprodução: sexuada; monóicos ou dióicos; os ciclos dos parasitas são bastante complexos, com diversos estágios intermediários.


Resumo: Anelídeos

Diagnose de um anelídeo: animal de corpo metamerizado e com simetria bilateral.
Hábitat: animais de vida livre, terrestres ou aquáticos, de água doce ou salgada.
Exemplos: Pheretima hawayana (minhoca-louca), um oligoqueta terrestre; Nereis virens, um poliqueta marinho; e Hirudo medicinalis (sanguessuga), um hirudíneo de água doce.
Dados de anatomia e fisiologia
Sistema digestório: completo (intestino com regiões diferenciadas – faringe, papo, moela etc); disgestão extracelular.
Sistema circulatório: fechado (presença de vasos pulsáteis – corações laterais); sangue dotado de pigmentos respiratórios – hemoglobina, por exemplo.
Sistema respiratório: ausente (trocas gasosas ocorrem pela superfície corporal, bem irrigada de sangue) ou branquial.
Sistema excretor: presente (excreção por meio de metanefrídios); amônia é a principal excreta.
Sistema nervoso: presente (composto por uma cadeia nervosa ventral, com um par de gânglios por segmento; gânglios cerebróides bem-desenvolvidos).
Reprodução: sexuada; com espécies monóicas (minhocas) e dióicas (certos poliquetos marinhos); em alguns casos o desenvolvimento é direto, e em outros existem estágios larvais.

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Invertebrados - Celenterados

Filo Cnidária (Celenterados)

  • O filo Cnidária (cnidários) está representado pelas hidras, medusas ou água-vivas, corais e anêmonas-do-mar.
  • São os primeiros animais a apresentarem uma cavidade digestiva no corpo e tecidos verdadeiros embora ainda não cheguem a formar órgãos.
  • Apresentam simetria radial.
  • Existem dois tipos morfológicos de indivíduos: as medusas, que são natantes e os pólipos, que são sésseis. Eles podem formar colônias, como é o caso dos corais (colônias sésseis) e das caravelas (colônias flutuantes).
  • Os cnidários são considerados animais diblásticos.
  • Existem três classes: Hydrozoa, Scyphozoa e Anthozoa.

    Defesa

    Os cnidários possuem um tipo especial de células, os cnidócitos (cnidoblastos ou nematoblastos), células de ataque e defesa, em maior quantidade nos tentáculos. Quando o cnidocílio é estimulado, um filamento que fica dentro do nematocisto é disparado. Este filamento possui um líquido urticante que pode provocar desde queimaduras até a morte.

    Digestão

    Os pólipos e as medusas apresentam boca, mas não possuem ânus. O alimento é parcialmente digerido na cavidade gastrovascular e a digestão é completada pelas células que revestem a cavidade. O que não é aproveitado é eliminado pela boca. A excreção e a respiração ocorrem por difusão.
    Os cnidários são os primeiros animais a apresentarem células nervosas que dispõem-se de modo difuso pelo corpo.
    Nos pólipos, a capacidade de locomoção é reduzida, podendo ser do tipo "cambalhota". Nas medusas, a locomoção é mais ativa, sendo realizada por um mecanismo denominado jato propulsão. 

    Reprodução

    Tipos de reprodução: assexuada (brotamento e estrobilação) e sexuada, podendo haver alternância de gerações.
    Sexuada: há presença de gônadas. Existem espécies monóicas e dióicas. Pode haver alternância de gerações envolvendo pólipos e medusas.






    terça-feira, 10 de agosto de 2010

    Reino Plantae I e II


    Oi pessoal!

    Demorou, mas o resumo esta aqui, é só fazer o download!

    Reino Plantae I e II


    Beijokas!


    domingo, 1 de agosto de 2010

    Olá queridos alunos!


    domingo, 4 de julho de 2010

    Reino Fungi

    Oi pessoal das turmas 208 e 209!

    Como prometido, deixo aqui o link para vocês baixarem o resumo de Reino Fungi.

    Resumo

    "Viva como se fosse morrer amanhã. Aprenda como se fosse viver para sempre."
    Mahatma Gandhi

    Abraços!

    sábado, 3 de julho de 2010

    Curiosidades

    Oi pessoal!

    Vocês já ouviram falar em "trufas"?

    Não, não estou falando daquelas de chocolate com recheio dos mais variados. Estou falando de um exemplar do Reino Fungi.

    A trufa é um fungo subterrâneo muito apreciado pelo sabor e aroma característicos. São consideradas uma iguaria desde a época romana e consumidas em várias partes do mundo. Assim como os outros fungos, a trufa é rica em água contendo cerca de 80% a 90% de sua composição. Possui também proteínas, hidratos de carbono e baixo teor calórico, o que faz da trufa, um alimento nutritivo e saudável.

    Desenvolvem-se a uma profundidade de 20 a 40 centímetros abaixo da terra e estabelecem uma relação de simbiose com as raízes de árvores como o carvalho e a castanheira. A trufa, por ser incapaz de realizar a fotossíntese, captura nutrientes das raízes de árvore. Já ás árvores extraem os sais minerais vindos das trufas. Por isso é uma relação de simbiose, pois há benefícios em ambas as espécies.

    A trufa é formada por duas partes sendo a primeira o fruto (comestível) e a segunda formada pelas raízes do fungo chamadas Micelium, responsável por sua produção. As trufas adquirem tamanhos variados, podem ser pequenas, grandes, circulares ou irregulares. Fatores como temperatura, umidade, grande quantidade de água e composição do terreno são fundamentais para o desenvolvimento deste fungo. Cada variedade demanda por um clima específico.

    Para encontrar as trufas é necessário o auxílio de cães (ou porcos) especialmente treinados quwe conseguem identificar a localização exata destes fungos, pois são difíceis de serem encontrados.

    (http://www.infoescola.com/reino-fungi/trufas/)

    Leia a reportagem a seguir e conheça a maior trufa já encontrada!


    26/11/2007 - 16h16

    Cão italiano acha maior trufa branca dos últimos 50 anos


    Cristiano Savini mostra a trufa gigante  encontrada pelo cão Rocco

    Cristiano Savini mostra a trufa gigante encontrada pelo cão Rocco

    Com apenas um ano e três meses de vida, o cãozinho mestiço Rocco conseguiu farejar neste final de semana, na região italiana da Toscana, a maior trufa branca já encontrada nos últimos 50 anos, pesando 1,5 quilo.

    A trufa branca é a uma das iguarias mais requintadas da culinária, com cheiro forte e selvagem, que combina sabor delicado com aroma envolvente.

    Luciano Savini, proprietário de Rocco, não consegue conter a satisfação de ter achado o cogumelo subterrâneo com peso recorde nos bosques de Palaia (Pisa), na Toscana.

    "Cavamos por quase duas horas. O cão se agitava como louco", disse Savini, confirmando já ter recebido inúmeras ofertas de empresas e comerciantes de trufas que desejam adquirir o raro exemplar.

    "Renunciei a propostas enlouquecedoras, algumas perto dos 100 mil euros (em torno de R$ 260 mil). Mas não vacilei. Para mim, não se trata tanto de dinheiro, mas de uma satisfação imensa que paga os esforços de quatro gerações de caçadores e selecionadores de trufas na minha família."

    Conforme o dono do cão farejador, o cogumelo será levado ao leilão internacional da trufa branca de Florença, na Toscana, em 1º de dezembro. De acordo com ele, o lucro será doado para caridade.

    "Encontrar esta trufa é um evento excepcional que aconteceu para a minha família", disse o filho de Savini, Cristiano, à BBC Brasil.

    "Foi um presente que recebemos, uma grande sorte, uma enorme satisfação. Por isso, queremos também dividir esta sorte com outras pessoas."

    'Inestimável'

    Nos próximos dias, a trufa estará exposta em Macau, na China, para a apreciação de um grupo de milionários que estarão voando desde Hong Kong.

    Luciano Savini diz que, durante o leilão, estarão conectados via satélite um restaurante em Macau e outro de Londres.

    "O valor desta trufa é inestimável", afirmou Cristiano Savini. "Nunca antes foi encontrado um exemplar branco com estas dimensões."

    Na Itália, onde a trufa branca é uma das iguarias mais apreciadas e o país é um dos principais exportadores do mundo, a procura dos cogumelos subterrâneos raros e difíceis de serem encontrados é uma caça ao tesouro.

    A detentora do recorde anterior de tamanho pesava 1,3 quilo. A trufa tinha sido encontrada em Levade, na região de Ístria, em novembro de 1999.

    Savini diz que o pesado cogumelo foi encontrado a 80 centímetros da superfície. De acordo com ele, a trufa com "perfume incrível" foi "um presente de Deus".

    Na definição da imprensa italiana, a descoberta do cãozinho Rocco é considerada como a "trufa do século". A espécie branca é ainda mais rara que a preta.

    Reportagem retirada do site: http://estilo.uol.com.br/ultnot/bbc/2007/11/26/ult3806u66.jhtm

    Interessante não?


    domingo, 23 de maio de 2010

    Reino Protista

    Oi galera!

    O terceiro trimestre vai começar e nosso primeiro conteúdo será Reino Protista, isto é, protozoários e algas unicelulares.

    O resumo já está pronto e a disposição de vocês.

    Click no link e baixe o arquivo.

    Reino Protista




















    Abraços!

    quarta-feira, 19 de maio de 2010

    Evolução da Espécie???













    Imagem copiada do site: http://wp.clicrbs.com.br/pretinhobasico/

    terça-feira, 11 de maio de 2010

    Slides sobre Reino Monera

    Olá pessoal!


    Eu fiz o upload dos slides utilizados nas aulas sobre Reino Monera para os interessados em ter mais um material de estudo para IAFT do 1º Trimestre.


    Apresentação Reino Monera


    Bons estudos!

    sexta-feira, 23 de abril de 2010

    Resumo sobre Reino Monera

    Oi pessoal!

    O link para fazer o download do resumo é este:

    Ficha resumo do Reino Monera

    Caso você não consiga fazer o download, pegue as folhas no xerox da escola, ok?

    Beijokas!

    Explosão solar

    Vídeo feito pela NASA:


    video

    terça-feira, 6 de abril de 2010

    Vídeo Gripe A - Vírus H1N1

    Assista novamente o vídeo sobre a Influenza A para responder as questões do estudo dirigido da Retomada de Conteúdo!


    video

    Bom estudo galera!

    domingo, 4 de abril de 2010

    sexta-feira, 26 de março de 2010

    Hora do Planeta

    Neste sábado, Caxias é convidada a apagar as luzes durante a Hora do Planeta

    O evento mundial será das 20h30min às 21h30min do horário de Brasília

    João Henrique Machado | joao.machado@pioneiro.com

    Neste sábado, o mundo vai realizar a quarta edição da Hora do Planeta. Entre 20h30min e 21h30min (hora de Brasília), brasileiros apagarão as luzes para mostrar a preocupação mundial com o aquecimento global. Esta é a segunda vez que o país participa.

    Em Caxias do Sul, a Igreja São Pelegrino será o ponto central da mobilização. As luzes e os holofotes do templo serão apagados por uma hora. Também está prevista uma manifestação com velas no horário. Para isso, toda a comunidade está convidada para ir até a igreja na noite deste sábado. Com as luzes desligadas, o espetáculo ficará por conta de quem participar, levando em mãos uma vela.

    A primeira Hora do Planeta foi realizada em Sidney, na Austrália, em 2007. Em 2008, 371 cidades participaram. Ano passado, o movimento deu um salto e contou com a participação de 4 mil cidades em 88 países.

    Registre

    - Entre no site www.horadoplaneta.org.br, cadastre-se e apague as luzes no sábado, das 20h30mim às 21h30min. Com o cadastro, a organização conseguirá contabilizar os grãos de areia que fizeram a diferença esse ano.


    Vamos fazer a nossa parte!


    Artigo retirado do site http://www.clicrbs.com.br/pioneiro/rs/plantao/10,2852710,Neste-sabado-Caxias-e-convidada-a-apagar-as-luzes-durante-a-Hora-do-Planeta.html.html

    terça-feira, 16 de março de 2010

    Anatomia de um vírus

    Olá pessoal!

    No site da Discovery Channel Brasil há um flash interativo sobre vírus. É super interessante!

    Acessem o site! Vale a pena!

    http://www.discoverybrasil.com/virus/interativo/

    Questões sobre taxonomia, classificação e regras de nomenclatura



    Oi pessoal! Para quem faltou a aula de segunda-feira (15.03.10) aqui está a atividade:


    Guia de Estudo

    1. O que é biodiversidade ou diversidade biológica?

    2. Por que a nomenclatura criada por Lineu é chamada de binominal? Dê exemplos de nomes científicos que sigam as regras de nomenclatura.

    3. Explique duas regras de nomenclatura.

    4. Liste as categorias taxonômicas da mais abrangente a mais específica.

    5. Os organismos A e B estão classificados na mesma família; os organismos X e Y também estão classificados na mesma família, mas diferente da família de A e B. Entretanto, A, B, X e Y pertencem a mesma ordem. Qual par de organismos possui mais caracteres em comum? Quais categorias taxonômicas A, B, X e Y pertencem ao mesmo tempo?

    6. Espera-se encontrar maior grau de semelhança entre organismos pertencentes a um(a) mesmo(a) classe, família, filo ou gênero?

    7. Quais são as vantagens, para a comunidade científica, em adotar a nomenclatura desenvolvida por Lineu?

    8. Conceitue espécie.

    9. Por que os vírus não são classificados em nenhum dos cinco reinos de seres vivos?

    10. Construa uma tabela e classifique os cinco reinos quanto ao tipo de célula (procariótica e eucariótica), número de células (uni ou pluricelular) e ao tipo de nutrição (autótrofos e heterótrofos).

    Lembre-se: as questões devem ser respondidas em uma folha para entregar individualmente.

    Abraços!



    segunda-feira, 1 de março de 2010

    video

    video
    video


    video

    domingo, 21 de fevereiro de 2010

    Normas de Biologia 2010

    Professora Grasiela Pasinato

    DIREITOS DO ALUNO:

    1. Questionar quando julgar conveniente para seu melhor esclarecimento, com educação e sem atrapalhar a aula;

    2. Ser orientado em suas dificuldades;

    DEVERES DO ALUNO:

    1. Apresentar atitude disciplinada e que não perturbe o bom andamento da aula e atividades escolares;

    2. Comparecer pontualmente às aulas, provas e outras atividades programadas;

    3. Executar as tarefas designadas pela Professora;

    4. Tratar com respeito professores, funcionários e colegas;

    5. Manter seu material escolar em ordem e trazer o material escolar necessário às aulas.

    6. Usar de honestidade na execução de provas e outras atividades escolares;

    7. Respeitar e preservar seus materiais didáticos e dos demais companheiros.

    8. Colaborar na conservação do prédio, mobiliário escolar e todo material de uso coletivo, bem como manter a limpeza em todas as dependências do Colégio;

    9. Trazer o livro de Biologia sempre que solicitado e manter seu caderno de Biologia consigo em todas as aulas, mesmo em dia de avaliações.

    NÃO É PERMITIDO AO ALUNO:

    1. Ausentar-se do estabelecimento ou da sala de aula, sem a devida autorização.

    2. Realizar tarefas de outras disciplinas ou ocupar-se de outras atividades durante as aulas;

    3. Danos voluntários ao patrimônio escolar;

    4. Não será permitido o uso de aparelhos celulares, MP’s e Câmaras digitais no decorrer das aulas (caso contrário poderão ser recolhidos pelo Professor e entregues à Direção).

    5. Alimentar-se durante as aulas.

    1. Deixar de fazer as tarefas solicitadas. O aluno que não fizer as tarefas, trabalhos e demais atividades receberá anotações na agenda, registradas pelo professor da referida disciplina e em casos mais graves, será solicitada a presença dos pais na escola.

    ATRASOS E SAÍDAS:

    Saída da sala de aula: somente será permitida com autorização do Professor.

    Toda e qualquer ausência do aluno, em dias de prova ou trabalho, deverá ser justificada na Agenda pelos pais ou responsáveis. No caso de doença, é importante que o aluno apresente o Atestado Médico para justificar as faltas.

    Lembre-se: é de suma importância que procure a professora assim que obtiver a autorização na sua agenda para realizar as avaliações atrasadas.

    AGENDA ESCOLAR:

    A Agenda é de uso obrigatório e de responsabilidade do aluno.

    TEMA DE CASA:

    Quando houver, o tema de casa poderá ser cobrado pelo Professor em qualquer momento. Caso não tenha sido realizado será feito um registro. Vários registros de tema não realizado no trimestre, a família será notificada.

    AVALIAÇÃO:

    Toda e qualquer atividade realizada pelo aluno dentro ou fora da sala de aula será avaliada em algum momento (com ou sem aviso prévio da professora). Durante os trimestres a professora poderá avaliar os alunos através de trabalhos, testes, apreciação do caderno de Biologia, participação e interesse durante as aulas, pesquisas e exercícios.

    Lembre-se: o caderno deverá estar com o aluno em todas as aulas de Biologia e o livro sempre que for solicitado.

    Bom retorno à escola!